29/09/2012

De volta

Eu não morri.
Eu não desapareci.
Só regressei a Luanda e a internet não me deixa abrir o blogger.
Estou no iPad, mesmos prático mas cumpre o objectivo.
Este regresso tem um "sabor" a Janeiro.
Depois de tantos meses de férias, merecidos, decido que estes 3 meses têm que ser produtivos e rentáveis.
Tenho que aproveitar a saúde e o trabalho que tenho, rentabilizar o tempo, para que no futuro possa ter mais férias e menos tempo por aqui.
Em Portugal tem-se muita qualidade de vida, especialmente se o orçamento não for muito limitado.
Quem emigra abdica de algumas coisas. Para trás, mas não esquecidos, ficam a família, os amigos, os lugares em que somos felizes, a comida, as lojas.....
Connosco viajam as saudades e as recordações. 

Sem comentários: